A YPF Brasil, empresa de energia e lubrificantes automotivos, estará presente nas pistas do Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (Go), para a próxima etapa da Copa Truck. A piloto Debora Rodrigues leva a marca no campeonato, em mais uma disputa pelo pódio, nos próximos dias 15 e 16 de agosto.

O campeonato retornou no fim de junho, após a flexibilização das medidas de isolamento social como forma de conter o novo coronavírus. Em solo goiano, Débora Rodrigues disputará as primeiras colocações no campeonato de veículos pesados.

“Estamos felizes que mais um campeonato tenha sido retomado. Atualmente, a Debora está entre os cinco primeiros colocados na competição, então, estamos confiantes para esta etapa”, comenta a gerente de Marketing e Comunicações da marca, Giovanna Grassi.

No sábado (15), os treinos serão classificatórios já para a primeira corrida, marcada para o mesmo dia no Autódromo Internacional Ayrton Senna. As disputas pelo pódio serão realizadas às 16h20 e 16h50.

No domingo (16), a segunda corrida da Copa Truck tem início às 14h05 – a segunda largada está marcada para as 14h35. Por medidas de segurança, a etapa realizada em Goiânia não será aberta ao público. O caminhão de Débora Rodrigues é o número 7 e, tanto no sábado como no domingo, o canal 2 da SporTV transmite a competição, ao vivo.

Sobre a YPF

A YPF é a empresa líder em exploração e produção de hidrocarbonetos na Argentina. É a maior empresa do país e lidera o mercado de lubrificantes com 40% de market share. É também a 3ª maior petrolífera das Américas e soma mais de 1500 postos de combustíveis. Sua planta de lubrificantes, em La Plata, é uma das mais modernas da América, com excelência em qualidade e as certificações ISO 9001, 14001 e TS 16496. Atuando no Brasil desde 1998, a YPF tem de sede e fábrica em Diadema-SP e distribuidores nos principais centros consumidores do país. www.ypf.com.br.

Débora troca número em homenagem para Renato

Eles se conheceram em um autódromo. Casaram. Formaram família e, desde então, são conhecidos como o casal das corridas de caminhões no Brasil. A etapa da Copa Truck deste final de semana em Goiânia marca a primeira vez, em mais de 20 anos, que o casal não estará junto em uma corrida, mesmo que estejam em equipes diferentes.

Renato Martins passou por uma cirurgia no início da semana por conta de complicações de uma sinusite aguda, e não foi liberado pelos médicos para viajar. Débora Rodrigues está na pista, e usou uma forma singela de estar com Renato por perto – ela substituiu o #7 pelo #9 e cravou no para-brisa a frase tradicional do esposo, “O Bagulho é louco”.

“É uma forma de mostrar que estamos juntos. Ele gostaria de estar junto comigo e com todas as equipes. Todos aqui se mobilizaram em mensagens e orações pela recuperação do Renato e gostariam que ele estivesse no autódromo. Com o número dele, é como se ele estivesse guiando o caminhão”, conta Débora Rodrigues.

A equipe AM Motorsport utiliza os caminhões Mercedes-Benz, com o patrocínio da Cresol e Cerveja Império. O apoio do Mercedes Club, Unimed/Beltrão, Nino Faróis, Gelog Transportes, YPF Brasil, Goiás Caminhões e Rodoviário Crismara.